sábado, 27 de junho de 2009

Temos o dever de nos empenharmos socialmente

 

Após ter lido o artigo da psicóloga Isabel Leal, sobre o empenhamento social, e após uma reflexão,

cheguei à conclusão, que realmente,  a grande maioria de nós é individualista e pouco solidária .

Devemos por isso enquanto educadores mostrar às nossas crianças, a importância  da noção de responsabilização, do espírito de colaboração, de solidariedade e acima de tudo, a capacidade olhar para fora do nosso umbigo.

Temos de ver mais além e como dizia Saint- Exupéry

Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos.”

 

image 

Como diz Isabel Leal” O empenhamento social, quer dizer aquela coisa de esforçadamente trabalhar em pequenos grupos comunitários, em associações de bairro, fundações sem fim lucrativo, academias nunca foi o nosso forte.

Contrariamente a outros sítios no mundo em que as pessoas,sentem ser seu dever e obrigação tomar conta da sua rua, do seu bairro, promover acções colectivas(…) dispor de tempo para ajudar aqueles que tem menos recursos(…)

(…) Que desconfiamos de quem trabalha de borla, ou se oferece para executar tarefas sem retorno económico nem

ganho de estatuto(…)

(…) Interessamos-nos apenas por aquilo que os nosso olhos alcançam e as nossas mãos palpam e que o nosso investimento a valer termina nas imediações dos nossos parentes mais próximos(…)

Isabel Leal

quinta-feira, 25 de junho de 2009

Feira do Livro de Alcobaça

 

`                      image

É  já hoje que se  inicia a Feira do Livro de Alcobaça .

Esta Feira terá um programa recheado.

Para consultar o programa: feiradolivrimageoalcobaca.terradepaixao.net/

Por convite da Livraria Claraval, irei estar na Feira do Livro no dia 28  e 29 de Junho às 15h.

A Padeira será a convidada especial.

A livraria Claraval irá ter um excelente programa com as SA Marionetas,  Orfeu Negro e muitos escritores da nossa região.

segunda-feira, 22 de junho de 2009

Vamos aprender a ser livres

PORQUE  PRECISAMOS DE CAMINHAR PARA UMA EDUCAÇÃO MAIS HUMANISTA…

Aqui ficam as palavras do Professor Moran, Professor Universitário Brasileiro que tem feito um excelente trabalho

na área  da Educação.

image

 

Aprendendo e ensinando a ser livres

A pior forma de escravidão é a de sentir-nos prisioneiros de um horizonte estreito, fechado, medroso e desesperançador; sem acreditar que todos temos condições de mudar, que nossa vida pode ser muito mais interessante e que isso está ao alcance de cada um de nós. Vejo gente demais sofrendo demais por situações que podem ser superadas, mas que para elas são definitivas. Não percebem que podem levar uma vida diferente, acreditam num fatalismo imobilizador, sem chances reais de serem mais felizes e realizadas.(…)
A educação precisa focar mais, junto com a competência intelectual, a construção de pessoas cada vez mais livres, evoluídas, independentes e responsáveis socialmente. Uma educação interessante, aberta e estimulante, que descortine novos horizontes profissionais, afetivos, sociais e favoreça escolhas mais significativas em todos os campos. Uma educação que ajude as pessoas a acreditarem em si, a buscar novos caminhos pessoais e profissionais, a lutar por uma sociedade mais justa, por menos exploração, a dar confiança a crianças e jovens para que se tornem adultos realizados, afetivos, inspiradores.
Na escola que temos, aprendemos pouco e não aprendemos o principal: a sermos pessoas plenas, ricas, criativas e empreendedoras. Para isso precisamos aprender a ler, a compreender, a contar, a escolher uma profissão, mas precisamos fazê-lo de forma diferente a como o estamos fazendo até agora, insistindo na integração entre a dimensão intelectual, a emocional e a comportamental de uma forma criativa e inovadora. Vale a pena investir nas pessoas, na esperança de mudança, e oferecer-lhes instrumentos para que se sintam capazes de caminhar por si mesmas, de realizar atividades cada vez mais interessantes, complexas, desafiadoras e realizadoras. Essa é a educação que desejamos e que é plenamente viável.
Além de uma escola diferente, é importante realizar ações de educação continuada de todos, principalmente dos marginalizados, para que encontrem sentido nas suas vidas e motivação para querer sair de onde estão. A educação não acontece só na sala de aula, mas em todos os momentos e com todas as pessoas, na interação cotidiana, na forma como olhamos, conversamos, falamos, ouvimos, agimos.(…)

           retirado do blog: moran10.blogspot.com

onde pode ler integralmente

quarta-feira, 17 de junho de 2009

O Passado Regressa a Aljubarrota

As escolas Básicas e Jardins de Infância da freguesia de Aljubarrota organizaram uma Feira Medieval.

Evidentemente que a Padeira não podia falhar e teve honras de grande convidada.

Foi na belíssima Igreja dos Prazeres que a história foi contada a todas as crianças presentes.

Mas o momento alto, foi o aparecimento da pá verdadeira , as crianças ficaram verdadeiramente eufóricas.

Até eu não resisti  e tirei uma fotografia com a dita pá.

BILD0009  BILD0018 BILD0022

BILD0013 BILD0024

Esta pá tem uma história fantástica e além de ter estado 60 anos  escondida entre paredes ( Domínio Filipino) foi posteriormente escondida num poço, durante as invasões francesas.

Já foi alvo da atenção de mecenas…

Uma pá com esta história deve ser muito bem preservada

terça-feira, 16 de junho de 2009

Quando as histórias fazem parte de nós

 

image

 

Acho que desde que nasci que as histórias circulam nas minhas artérias e bombeiam o meu coração.

Até acho que eu e as histórias… nascemos no mesmo Hospital.

A determinada altura perdemos-nos e cada uma, foi para o seu lado.

Então eu corri o mundo, saltei montanhas, percorri atalhos, embati contra paredes… baralhei-me e até fiz nós.

Até que um dia, presas a um fio, lá vinham as histórias.

Abraçámos-nos, jurámos amizade eterna, jogámos às escondidas e ao rei manda.

Hoje, andamos sempre juntas, e o nosso sonho é fazer cócegas na imaginação das crianças e segredar-lhes:

Sonhem com mundos de algodão doce onde reis e rainhas, cavaleiros e heróis são vossos amigos.

Ah! e não se esqueçam…

Se os sapatinhos de manteiga não se derreterem pelo caminho terão o mundo das histórias aos vossos pés.

Uma festa para idosos e crianças

image  image

 

Incluído nas 16 comemorações  da Santa Casa da Misericórdia da Benedita, fui contar

às crianças que eram as convidadas especiais, e aos utentes do Lar,  a Lenda da Fonte da Senhora .

Vivemos momentos muito bonitos de união entre os idosos e  as crianças .

Revivemos a Benedita de outros tempos, as suas tradições , a sua história  e memórias.

As crianças cantaram canções e trouxeram alegria a todos os que estavam presentes.

Foi muito ternurento…  são estas partilhas que me enchem a alma  e me fazem continuar

a sonhar e a escrever.

Obrigado

segunda-feira, 15 de junho de 2009

O pintor que vai ser ilustrador

 

image image

Pinturas de Gabriel Colaço

 

Gabriel que acabou de ilustrar o meu próximo livro é um conceituado e excelente pintor.

A sua primeira experiência como, ilustrador, está divinal.

Aguardem pelo fim de Julho e poderão ver o meu novo livro, com as ilustrações do Gabriel.

Aqui fica  um pouco do seu curriculum.

Group Exhibitions
2008  LA.GA BAGS (special projects with Krvkurva) - MUDAM, Luxembourg.
2007  SCOPE Miami - booth RHYS gallery, Miami, USA.
2007  Aqua Art Fair - booth RHYS gallery, Miami, USA.
2007  "Gabriel & Gilberto Colaço + Nick Rodrigues" Rhys Gallery, Boston, EUA.
2007  Arte Lisboa fair, (Booth Alvarez gallery) Lisbon, Portugal.
2007  6th edition Amadeo de Souza-Cardoso Prize, Amarante, Portugal.
2007  Large formats, Alejandra Von Hartz Gallery, Miami, USA.
2005  14 fragmentos contempoaneos II - Museu de Arte Moderna da Bahia,
         Salvador, Brazil.
2005  5th Prize Amadeo de Souza Cardoso, Amarante, Portugal.
2005  Alvarez gallery, Porto, Port
2004  Art Cologne' 04, (booth galeria Alvarez), Köln, Germany.

Gabriel Colaço

www.gabrielcolaco.com
gabriel_colaco@hotmail.com

domingo, 14 de junho de 2009

Quando a determinação orienta uma vida de uma criança

Akrit JaswalFoi a determinação e a convicção deste menino que me impressionaram.

A sua luta e  preocupação pela humanidade  é admirável.

Resta-nos esperar que ele consiga, no meio de tanta pressão, alcançar os seus sonhos. 

 Akrit Jaswal é um jovem indiano que também tem sido chamado de "o menino mais inteligente do mundo" e é fácil perceber o porquê. O seu Q.I. é 146 e é considerado a pessoa viva mais inteligente na Índia, um país de mais de um bilhão de pessoas.
Ele centrou sua inteligência fenomenal na medicina e aos doze anos ele disse estar próximo de descobrir uma cura para o cancro.

Neste momento, ele está a  estudar em Chandigarh College .

Akrit surpreendeu o mundo ao dizer no programa televisivo da apresentadora OPRAH que,  leu todos os Tratados actuais de Oncologia e descobriu as falhas e limitações da actual pesquisa do Câncer.

Afirmou que ele possui a solução do Problema e que pode criar NOVOS REMÉDIOS e NOVAS TECNOLOGIAS de tratamento oncológico, mas que para isso precisa antes formar-se oficialmente como Médico e criar um CENTRO FILANTRÓPICO DE ESTUDOS, para tratar gratuitamente os milhares de doentes da Índia.

Com estas afirmações, tornou- se uma CELEBRIDADE nos EUA, conseguindo grandes doações e apoios para as suas pesquisas.

domingo, 7 de junho de 2009

Um livro apaixonante

Cyrano

Cyrano tinha um nariz enorme.

Cyrano estava apaixonado.

Pela sua prima Roxana.

Porém, não ousava confessar-lhe o seu amor

( por causa do seu enorme nariz)

Está genialmente escrito, com uma enorme sensibilidade e com umas ilustrações divinais

Cyrano de Tai- Marc Le Thanh e ilustrado por Rébecca Dautremer
Editora Educação Nacional

consulte:

rebeccadautremer.com

Na Biblioteca de Porto de Mós

 

Foi com muita simpatia que fui recebida pelas profissionais da Biblioteca.

  À minha espera estava um grupo bem agradável de miúdos e graúdos.

Mais uma vez, a história da invencível Padeira de Aljubarrota cativou

os ouvintes.

A Padeira ficou deslumbrada com o imponente Castelo, ainda quis ver se lá haviam alguns Castelhanos,

mas ficou desiludida…pois  por lá andavam somente turistas, a apreciar as belezas do Castelo.

 

image   11 - A emocao foi tanta

 

“Sábados a contar...”

capa

6 de Junho

 

Biblioteca Municipal de Porto de Mós

“Peço ao meu pai e à minha mãe para ouvirem uma história também...”
Uma proposta para as tardes de Sábado na Biblioteca Municipal de Porto de Mós.
“A Padeira de Aljubarrota” é a história que vamos ouvir pela voz da própria escritora, Vanda Furtado Marques.

quarta-feira, 3 de junho de 2009

Era uma vez em Alcobaça… parte II

Mais algumas fotos que as professoras dos Candeeiros me enviaram.

 

Tudo começou no Castelo, com a Lenda do Ben Almansor que enfeitiçava as raparigas que por lá passavam….

    image

       

Depois….        

O Amor de Pedro e Inês  e os túmulos mais belos do mundo inteiro.                                                                 

image    image

Por fim no local da junção dos dois Rios, a Lenda do Alcoa e Baça

 

image

terça-feira, 2 de junho de 2009

O Amor de Pedro e Inês na Quinta das Lágrimas

 

 

image  image

 

Com a colaboração da Associação Integrar de Coimbra e a Quinta das Lágrimas

fui apresentar a minha história “ O amor de Pedro e Inês” aos pequenotes do 1º

ciclo  das escolas periféricas de Coimbra.

A envolvência era magnífica, e duzentas crianças estavam à minha espera num belíssimo

anfiteatro ao ar livre.

Levei-os para o imaginário dos reis e rainhas e a história foi se desenrolando.

As crianças estavam empolgadas e olhavam em redor para ver a Fonte dos Amores,

o local onde Pedro e Inês namoravam, onde os maus se teriam escondido? e onde

Inês teria sido morta?

Estavam  verdadeiramente apaixonados por todos estes episódios.

Quando a história terminou, foram ver com os seus olhitos tudo aquilo que tinham

ouvido.

Muitos deles, apesar de serem dos arredores de Coimbra, nunca tinham estado

na Quinta das Lágrimas.

Para eles,  e para mim foi um dia mágico.

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin