quarta-feira, 30 de maio de 2007

O nosso livro na 77ª Feira do Livro de Lisboa

Decorreram entre 24 de Maio e até 10 de Junho, as 77ª Feiras do Livro de Lisboa e do Porto.
Estivemos presentes em ambas com o nosso livro "O Amor de Pedro e Inês – Contado aos pequenotes".
Foi mais um reconhecimento da importância do nosso livro no panorama da literatura infanto-juvenil portuguesa.
Muito obrigado a todos os que nos tem apoiado e ajudado a levar este projecto em frente.
A nossa sessão de autógrafos foi no dia 9 de Junho (sábado) pelas 17:00, no Pavilhão 22 da Feira do Livro de Lisboa, no Parque Eduardo VII.
Pavilhão nº22 da Editora - Alliaud & Lellos.

Fotos: Contar a estória a crianças surdas. Uma Maravilha!

E agora...

Tal como tinha prometido aqui vão as fotos da EB.123 Santa Catarina, nas quais estou eu acompanhada pela Ana João - interprete de LPG (Lingua Gestual Portuguesa), a contramos a estória aos pequenotes.
Vejam só a atenção com que todos estão...

EB.123 Santa Catarina - Painel

Qual não foi a minha surpresa quando entrei na biblioteca da EB.123 de Santa Catarina, e me deparei com este belo painel que continha algumas frases do livro e esta bela reprodução, feita pelas crianças, da capa do livro. Achei uma delícia....
Vejam só a beleza desta Inês de deste Pedro... É muito agradável saber que a partir do livro as professoras(es) e as crianças se dedicam a actividades criativas e de descoberta, tanto de si próprios e das suas capacidades, como da História de Portugal. Muito obrigado a todos, pequenotes e grandotes….

segunda-feira, 28 de maio de 2007

Contar a estória a crianças surdas - Uma Maravilha.

Hoje fui contar a estória de Pedro e Inês de Castro na biblioteca da E.B.123 de Santa Catarina.
O grupinho de crianças que eu tinha à minha frente variava entre os três e os nove anos, mas a grande novidade para mim era que, entre eles, haviam crianças surdas.
Contei por isso a estória acompanhada pela Ana João, professora de Língua Gestual.
Correu tudo muito bem, pois as crianças surdas ficaram muito interessadas em fazer um teatrinho sobre Pedro e Inês.
É assim que cada grupo de crianças me dá algo de maravilhoso e, principalmente, me enche a alma para eu continuar o meu périplo pelas escolas…
A minha real aventura pela terra dos pequenotes...

segunda-feira, 21 de maio de 2007

Hoje tinha marcado duas Escolas para ir contar a estória d’ O Amor de Pedro e Inês.

Tenho de reconhecer que ia com algum cansaço, mas realmente as crianças são fantásticas para nos animar e emocionar. Tive uma recepção cinco estrelas na Escola do Ardido. Comecei por ser recebida com uma canção cantada pelos meninos, a sala toda ela estava enfeitada com desenhos alusivos à estória de Pedro e Inês. Imaginem que até as toalhas onde havia um lanche preparado para mim, tinham sido pintadas pelos meninos. Senti-me tão bem acolhida pela professora Teresa e pelas crianças que não pude deixar de me emocionar. Seguidamente fui para o jardim-de-infância da Azambujeira, onde mais uma vez fui recebida com uma grande alegria pelas professoras e pelas crianças. Fui contar a estória no cantinho das histórias onde os meninos se sentaram muito sossegados e muito atentos, a ouvir tudo aquilo que eu ia partilhando, com eles. Tem sido muito bom estar com professores apaixonados por aquilo que fazem e por crianças tão vivas e calorosas... Só posso dizer que realmente as crianças são o melhor bem que nós temos no mundo. E tenho de reconhecer que mais uma vez foi fantástico partilhar a minha experiência com as crianças. Cada experiência destas, que eu vivo com as crianças é de um enriquecimento pessoal tão forte, que me é difícil exprimir tudo aquilo, que eu sinto…

terça-feira, 15 de maio de 2007

Lançamento de um livro que faz sonhar

Foi com grande satisfação que assisti, no dia 16 de Março, no Mosteiro de Alcobaça, junto ao Túmulo de Inês de Castro, ao lançamento do livro O Amor de Pedro e Inês.

A autora, Vanda Furtado Marques, é professora de História e de História da Cultura e das Artes no Externato Cooperativo da Benedita. Minha colega de Grupo e amiga, quero homenageá-la nesta pequena notícia pela bela história que escreveu para as crianças, mas que faz também sonhar os adultos. Escrito de uma forma didáctica, o livro funde o sonho e a realidade, permitindo, de uma maneira carinhosa, contar às crianças um episódio que tem tanto de belo como de triste, e que faz parte do nosso património histórico-cultural. Sei que foi um sonho tornado realidade, e sei também que este foi o primeiro de muitos outros livros destinados aos mais pequenos e que certamente irão, como refere a autora, fazer germinar em cada criança uma sementinha onde o sonho e a magia sejam primordiais. Parabéns, Vanda...
Professora Ana Paula Barosa in Toque de Saída, nº5, maio-2007

Contando Histórias...

AVENTURAS NA TERRA DOS PEQUENOTES
Contar a História de Pedro e Inês aos pequenotes tem sido uma experiência fabulosa e extremamente enriquecedora. Acho que não há nada mais maravilhoso do que estar à frente de um grupo de crianças cujos olhitos brilham e cujas faces me fazem ter vontade de as pôr a sonhar. A envolvência que se cria é fantástica, as crianças sonham e eu vibro com a história que estou a contar. A de Pedro e Inês tem para mim um significado muito forte. Esta história aborda o amor incondicional, e dela emergem valores tais como a fidelidade e o respeito que são pilares imutáveis ao longo da vida. Poder transmiti-los às crianças é para mim algo extremamente importante. Espero continuar a ter o privilégio de contar esta e outras histórias às crianças, porque o sorriso das crianças vale mais do que mil palavras.
Professora Vanda Marques in Toque de Saída, nº5, maio-2007

quinta-feira, 10 de maio de 2007

Bailado "Pedro e Inês" CNB e Olga Roiz

A Companhia Nacional de Bailado voltou a apresentar, nos dias 11, 12 e 13 de Maio, em Lisboa, no Teatro Camões, a sua interpretação para bailado de “O Amor de Pedro e Inês”, coreografada por Olga Roiz.

"História Trágica e sobejamente conhecida. A paixão incondicional e trágica de Pedro e Inês tem sido tema de obras teatrais, narrativas e líricas.
E o bailado não é a excepção que confirma a regra.
“Pedro e Inês” estreou a 4 de Julho de 2003 e partiu de um convite da Companhia Nacional de Bailado à coreógrafa Olga Roriz (...)”
in Magazine Artes
Coreografia e Dramaturgia: Olga Roriz
Selecção Edição Musical: Olga Roriz
Cenário: João Mendes Ribeiro
Figurinos: Mariana Sá Nogueira
Desenho de Luz: Cristina Piedade
Sonoplastia: Bruno Gonçalves

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin