segunda-feira, 27 de abril de 2009

D. Nuno Álvares Pereira, que grande exemplo.

 

Esta figura fascina-me e  encanta-me.
Dentro em breve irei criar uma bela história para os pequenitos.
Enquanto a história ainda anda em ebulição e construção… deixo-vos
aqui um excerto  retirado de um fascículo editado pela Real ordem de Santa Isabel
e Fundação Maria Ulrich, sobre Dom Nuno:

 

image 

(…) o cavaleiro Dom Nuno era muito rico, o homem mais

rico de Portugal, a seguir ao rei. Mas a sua riqueza não queria guardá-la

só para ele. Repartiu  com os seus netos, os seus escudeiros, os seus criados e os soldados

que o tinham acompanhado nos combates. Portugal estava agora em paz; não precisava

da sua espada nem da sua coragem(…)

 

Um Homem que teve o mundo a seus pés, mas que soube retirar-se no momento certo.
Teve ainda um grande outro mérito; a sua alma era tão nobre e o seu coração tão grandioso
que deu todos os seus bens.
Por isso D. Nuno, tu te tornaste,  o frade S. Nuno de Santa Maria.
Cativou-me ainda a parte  mágica e a ligação ao maravilhoso,  “ a mística do
Rei Artur”, pelas palavras de Fernando Pessoa 

NUN'ÁLVARES PEREIRA

Que auréola te cerca?

É a espada que, volteando,

faz que o ar alto perca

seu azul negro e brando.

Mas que espada é que, erguida,

faz esse halo no céu?

É Excalibur, a ungida,

que o Rei Artur te deu.

'Sperança consumada,

S. Portugal em ser,

ergue a luz da tua espada

para a estrada se ver

Fernando Pessoa

Sem comentários:

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin