domingo, 12 de abril de 2009

Lendas de Alcobaça

 

Lenda do Castelo de Alcobaça

image

Conta-se que há muitos, muitos anos atrás, no Castelo de Alcobaça

havia um poço encantado. Deste poço imanava uma estranha

melodia que enfeitiçava,  quem por lá passasse. Principalmente,

raparigas donzelas.

Estas fugiam a sete pés do Castelo, não fosse a melodia encanta -lás.

Porém, certo dia uma rapariga esqueceu-se da recomendação e foi buscar

água ao dito poço.

Enquanto pousava o cântaro no chão, e ajeitavas as suas saias. Uma

  estranha melodia  começou a percorrer-lhe  todos os cantos dos ouvidos,

deixando-a completamente atordoada. Ao mesmo tempo, via-se emergir

entre as ameias, uma imponente figura de um Mouro. Este tinha um

olhar tão penetrante que,  imediatamente,  hipnotizou a menina, e a encaminhou para

dentro do castelo. Assustada , ainda teve forças para rezar por Nossa Senhora e

agarrar -se a uma medalha de um santinho que trazia ao peito.

E como por magia,  o mouro evaporou-se , desaparecendo no meio de uma grande

fumarada e com uma grande risada disse:

AH… Ah…Obrigado, por me teres libertado desta prisão.

A rapariga  correu assustada para casa, e contou aos pais o estranho acontecimento. 

Os pais ainda aflitos, contaram-lhe que o castelo estava amaldiçoado com o fantasma

do  Ben Al Mansor, o chefe mouro que tinha morrido na batalha em defesa do seu castelo.

Mas que ,graças à sua força  espiritual e coragem, a maldição tinha-se finalmente  quebrado.

Foi assim, que a partir desse dia,  as raparigas puderam  passear junto do castelo, sem qualquer receio.

Adaptação  da Lenda do Castelo

por Vanda Furtado Marques

Sem comentários:

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin